Editor: Aristides Barros 

Co-editor: Joacir Gonçalves 

Contato: redacaoefeitoletal@gmail.com

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube

NEY LYRA TEM PRESSA NA REGULARIZAÇÃO DO RECANTO ALEGRE

Vereador foi em Brasília buscar verba para realização do trabalho



A chegada da verba de R$ 200 mil já liberada e conseguida em 2017,  junto ao Ministério das Cidades, em Brasília, pelo vereador Ney Lyra (PSDB) para a regularização fundiária do Recanto Alegre precisa do empenho da Prefeitura de Bertioga.

"Falta pouco para a conclusão do projeto, que vinha num ritmo muito bom. Mas nos últimos meses o trabalho está meio parado. É preciso que a prefeitura se empenhe para não perder a verba, pois o montante já está à disposição do município", revelou o parlamentar.

O dinheiro que é para a oficialização da localidade, onde moram aproximadamente 200 famílias foi uma parceria do vereador com o ex-deputado federal João Paulo Tavares Papa - também do PSDB. O deputado viabilizou o montante do por meio de uma emenda parlamentar.

De acordo com informações, o recurso conseguido em Brasília seria suficiente para regularizar 450 lotes, o que beneficiaria aproximadamente mil famílias.

ESFORÇO


Temendo que o recurso seja perdido, Ney Lyra voltou a carga pedindo ao Poder Executivo que converse com a CEF (Caixa Econômica Federal) e MDR (Ministério de Desenvolvimento Regional) para que os dois órgãos busquem uma solução para retomada e a execução do projeto de regularização do Recanto Alegre.

O processo regulatório já foi iniciado e se encontra em estágio avançado. "Não podemos perder uma verba tão importante e expressiva que vai ajudar muitas famílias bertioguenses a terem o seus direitos garantidos", pontua Ney Lyra.

"As primeiras quadras do Recanto Alegre, que estão localizadas atrás da empresa Portal Kit é que serão beneficiadas pelo projeto de regularização fundiária", apontou o vereador tucano.

6 visualizações